Banner topo divulga%c3%87%c3%83o

Compre casa

SAÚDE

Campanha Nacional de Vacinação é prorrogada até sexta-feira

Até o momento somente o número de idosos atingiu a meta estabelecida de 90% de vacinações

12/06/2018 - 08:48


  • Atendimentos ubs vila pioneiro mini hospital carlos rodrigues 10

    Foto: SeCom/Carlos Rodrigues

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe foi estendida em Toledo até a sexta-feira (15). A imunização age contra três tipos de vírus da gripe; o Influenza A, H1N1, H3N2 e Influenza B. A campanha está atendendo os grupos prioritários. São eles; pessoas acima de 60 anos; crianças de seis meses a quatro anos; gestantes; profissionais da área de saúde; puérperas (mulher em período de pós-parto, até 40 dias após o fim da gestação); portadores de doenças crônicas; professores e indígenas.

Inicialmente, a campanha deveria ter terminado no sábado (09). Porém, de acordo com a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Cleunisse Sarturi, o período não foi o suficiente. “O prolongamento tem o intuito de fazer com que o número de pessoas que procuram pela imunização aumente”. Segundo ela, até o momento somente o número de idosos atingiu a meta, que é de 90% de vacinações. “Além dos idosos somente os profissionais da saúde estão próximos da meta. Os demais grupos ainda estão longe da procura esperada. Nós ainda temos um estoque considerável, então nós pedimos para que as pessoas que pertencem a esses grupos e ainda não efetuaram a imunização procurem a UBS mais próxima para se vacinar”, alerta Cleunisse.

Até o momento os dados da vacinação em Toledo são de 56% de crianças vacinadas, trabalhadores da saúde 85%, 60% das gestantes, 64% de puérperas, 95% dos idosos e 78% dos professores. No geral já foram vacinadas 77% da população, com 25.298 doses aplicadas.

Todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) continuam atendendo normalmente para efetuar as vacinações. Nos próximos dias o Ministério da Saúde deve enviar um comunicado por escrito para os municípios, onde definirá se a campanha continuará após essa data e se disponibilizará o estoque restante somente para os grupos prioritários ou se irá liberar para a população em geral.

Cleunisse frisou que a vacina não protege somente contra a gripe, mas também contra doenças respiratórias. “Essa vacina é muito eficaz, além de agir contra a gripe e evitar o avanço do quadro viral ela protege contra várias doenças respiratórias, como asma, bronquite e pneumonia. Isso mostra a importância das pessoas irem até os postos para se imunizar” conclui.