Banner topo divulga%c3%87%c3%83o

Compassion 857747 1920

ESPORTES

Ginastas do projeto Pedrinho Furlan voltam aos treinos

O projeto atende crianças a partir dos cinco anos de idade

11/02/2019 - 18:06


  • Retorno pedrinho furlan   foto eliane c. torres %282%29

    Por: Eliane C. Torres/Assessoria

As crianças que fazem parte do projeto Pedrinho Furlan, nas modalidades de ginástica rítmica e ginástica acrobática, voltaram nesta segunda-feira (11) às atividades no Centro de Treinamento de GR, no ginásio de esportes do Sesi. As crianças participaram de atividades lúdicas e de um aquecimento e treinamento leve no primeiro dia de atividades neste ano. Nas boas vindas também foram entregues os uniformes de treinos fornecidos pela Associação Toledana de GR. O projeto atende crianças a partir dos cinco anos de idade.

Criado em 2015, na modalidade de Ginástica Rítmica, o projeto ganhou o nome de Pedrinho Furlan em 2017, e a adesão de mais duas modalidades, a Ginástica Artística e o Tênis de Mesa. Em 2018 foram incorporadas as modalidades de Ginástica Acrobática e Badminton. O projeto envolve também uma parceria entre as Secretarias de Educação e de Esportes e escolas, representando uma atividade no contraturno escolar. As crianças são pré-selecionadas nas escolas de acordo com o interesse e aptidão para o esporte e levadas aos locais dos treinos. Lá recebem as orientações técnicas e de formação, visando o ingresso na equipe de rendimento.

Participam do projeto alunos que frequentam as escolas municipais Ivo Welter, São Francisco de Assis, Valdir Becker, Tancredo Neves, Carlos Friedrich, Valmir Grande e Henrique Brod. As demais modalidades que fazem parte do projeto devem retornar às atividades em março, depois do carnaval.

Na GR, o projeto já está colhendo os primeiros frutos com a descoberta de talentos que já conquistaram pódios em competições estaduais e nacionais, no ano passado. Desde 2015 o grupo participa dos treinos e competições, conforme o crescimento de cada atleta, e tem conquistado resultados muito positivos, segundo avaliam os técnicos.

O projeto de Ginástica Rítmica de Toledo, com 28 anos de atuação no município, conta com as parceiras do Sesi e prefeitura de Toledo e  com o co–patrocínio de O Boticário, Sanepar e Itaipu Binacional, através de recursos obtidos pela da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte/Governo Federal. 

 

Por: Eliane C. Torres/Assessoria