Whatsapp image 2021 02 08 at 19.08.55

SAÚDE

Toledo precisa 34.389 doses de vacina para imunizar o grupo prioritário, definido na Campanha Nacional

Até o momento o município recebeu 2660 doses da vacina, a estimativa da demanda pode ser ainda maior

25/01/2021 - 19:38
Por Redação


No Programa Nacional de Imunização, o governo federal fez uma estimativa populacional dos grupos considerados prioritários para a vacinação. Toledo, segundo os critérios do Ministério da Saúde, precisa 34.389 doses da Vacina Covid-19. Na primeira etapa da vacinação que atende aos aplicadores de vacina, idosos e trabalhadores de Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI) e profissionais de saúde são necessárias 3669 doses, até o momento o município recebeu 2660, ou seja, ainda são necessárias 1009 doses para imunizar todo o grupo.

O critério de distribuição da vacina é populacional, Toledo como concentra maior número de serviços de saúde, urgências e emergência pode ter a imunização dos idosos atrasada em relação a municípios menores, que concentram apenas a atenção básica. A secretária de Saúde de Toledo, Gabriela Kucharski, informa que de acordo com o número de profissionais e doses, ainda não é possível iniciar a vacinação dos idosos, segundo grupo prioritário. “Alguns municípios já poderão iniciar o trabalho com pessoas dessa faixa etária, pois não possuem estruturas de atendimento em saúde. Toledo centraliza hospitais, clínicas, além de sediar também serviços de urgência e emergência como SAMU, Siate, entre outros órgãos de saúde”.

O Governo do Estado recebeu na tarde desta segunda-feira (25), um novo lote de vacinas contra a Covid-19 com 39.600 doses. É o terceiro lote de vacinas que chega ao Estado em uma semana, o imunizante é a Coronavac, produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo.. A distribuição deste novo lote para as 22 Regionais de Saúde vai começar nesta terça-feira (26). 

O quadro populacional deve ser ainda maior, uma vez que os profissionais de educação, se considerado municipais, estaduais, privados e nível superior é muito maior do que o estimado. Em contato, com a Secretaria de Comunicação do Município a reportagem foi informada que o número está sendo revisado, pois o dado apresentado teve como referência os imunizados pela Influenza, no ano passado.

Quadro 2. Estimativa populacional para a Campanha Nacional de Vacinação contra COVID-19.

 
 | Grupos Prioritários | Quantitativo
| Pessoas de 60 anos ou mais, Institucionalizadas | 75
| População Indígena em Terras Indígenas demarcadas | 0
| Trabalhadores de Saúde que atuam em Serviços de Saúde | 3.669
| Pessoas de 80 anos ou mais | 2.827
| Pessoas de 70 a 79 anos | 5.863
| Pessoas de 60 a 69 anos | 11.617
| Pessoas em Situação de Rua | 32
| Trabalhadores de Força de Segurança e Salvamento | 326
| Comorbidades | 6.309
| Trabalhadores Educacionais e da Assistência Social (CRAS, CREAS, Ca- sas/Unidades de Acolhimento) | 1.705
| Pessoas com Deficiência Institucionalizadas | 0
| Pessoas com Deficiência Permanente Severa | 140
| Quilombolas, Povos e Comunidades Tradicionais Ribeirinhas | 0
| Caminhoneiros | 1.044
| Trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário e Ferroviário de Passageiros | 430
| Trabalhadores de Transporte Aéreo | 30
| Trabalhadores Portuários | 0
| População Privada de Liberdade (exceto trabalhadores de saúde e segurança) | 248
| Trabalhadores do Sistema Prisional | 74
| TOTAL Toledo | 34.389
 

Quem vacina agora


Até às 17h de segunda-feira (25) 1312 toledanos já estavam imunizados. Eles integram o grupo dos trabalhadores de saúde aptos a serem vacinados na primeira fase. Os dados foram informados pela Secretaria de Saúde e a ordem de vacinação segue as diretrizes do Plano Municipal de Vacinação para Covid-19. O público alvo desta primeira fase é estipulado conforme o risco de exposição ao coronavírus. Ao todo, Toledo tem 3.669 profissionais de saúde, segundo dados do Plano.

Já receberam imunizantes os profissionais até o quinto grupo, conforme o quadro abaixo. Nesta segunda-feira (25) também começam a ser dispensadas as vacinas aos que atuam na Atenção Primária (unidades básicas de saúde) e nos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Eles receberão as doses nos seus locais de trabalho por meio de equipes volantes de vacinadores. 

Os demais profissionais dos grupos anteriores (1 ao 5) devem procurar a vacina no Centro de Revitalização da Terceira Idade (Certi) Wilson Carlos Kuhn, na Vila Pioneiro até a terça-feira (26). 

A secretária de Saúde de Toledo, Gabriela Kucharski, esclarece ainda que as listas dos locais de vacinação dos grupos 1 ao 5 foram elaboradas pelas próprias instituições. “A indicação foi realizada pelas diretorias e coordenações destas unidades. Foram elencados os trabalhadores e só recebe o imunizante quem apresenta documentos comprovando que está nesta lista”, reforçou. 

Quadro da 1ª Fase da Vacinação 


Vacinação até terça (26)

1. Todos os aplicadores da vacina contra a COVID-19; 

2. Trabalhadores de Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI); 

3. Hospitais e Serviços de Urgência e Emergência de referência COVID-19, públicos e privados (SAMU, SIATE, UPA’s, Clínicas de Diálise, Serviços de Oncologia e Serviços Móveis de Remoção, agentes funerários); 

4. Trabalhadores dos Centros de Atendimento à COVID-19 (Unidades Básicas de Saúde referência para COVID – Cosmos e Panorama);

Vacinação termina na terça-feira (26)

5. Trabalhadores de laboratórios públicos e privados que coletam e realizam testes laboratoriais e tomografias para a COVID-19; 

Vacinação em andamento até quinta (28)

6. Trabalhadores da Atenção Primária à Saúde e de Centro de Atenção Psicossocial (CAPS); 

Próximos grupos a serem vacinados

7. Demais serviços de Urgência e Emergência; 

8. Demais trabalhadores da Vigilância em Saúde; 

9. Demais serviços públicos hospitalares e ambulatoriais; 

10.Demais serviços privados hospitalares e ambulatoriais (farmácias e clínicas, entre outros).

O município apela ao público alvo da vacinação que siga o cronograma estabelecido, pois quem não comparecer no tempo previsto, vai para o fim da fila. Os imunizantes disponíveis são a Coronavac, produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo e a da Universidade de Oxford em parceria com o Laboratório AstraZeneca.

Não cabe ao público alvo escolher o imunizante, uma vez que ambos são autorizados pela Anvisa.

Fonte da formação da tabela populacional: Sistemas de Informação da Secretaria Municipal de Saúde, Ministério da Saúde e Estabelecimentos Públicos. SMAS- Secretaria Municipal de Assistência Social e Proteção a Família. Trabalhadores da Assistência Social. Dez/2020. IPARDES/2020.
SIPNI/DATASUS.
Site do DigiSUS.
Secretaria de Saúde de Toledo. Departamento de Vigilância em Saúde (dados sobre comorbidades). CNES- Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde.
Secretaria de Recursos Humanos. Trabalhadores da Educação base Dez/2020.
RNTRC- Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas // SINTROTOL – Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Toledo-PR.
Casa de not%c3%adcias %281%29