Banner topo divulga%c3%87%c3%83o

Autismo selo

GERAL

Alunos da Borges de Medeiros fazem aulas de dança circular

A intenção da atividade é que os alunos façam, pelo menos uma vez por semana, uma atividade diferente e que contribua com o bom desempenho em sala de aula

30/03/2015 - 18:26


  • Danca circular na borges de medeiros vila industrial fotos michael juliano 2

    Foto: Michael Juliano

Para realizar com os alunos uma atividade diferenciada, além de incentivar a cooperação e parceria, a Escola Municipal Doutor Borges de Medeiros está realizando atividades envolvendo danças circulares. A atividade acontece semanalmente com todos os alunos da escola e é coordenadora pela professora Maria Salete Queiroz. A intenção da ação é que os alunos façam uma atividade diferente e que contribua com o bom desempenho em sala de aula.

São aproximadamente 300 alunos da pré-escola até o 5º ano que fazem a atividade. A ação acontece uma vez por semana e tem a duração de até meia hora. “Com esta dança nós proporcionamos aos alunos tenham uma maior socialização. Além de eles aprenderem sobre a importância da parceria e do trabalho em equipe”, comentou a diretora da escola, Luciana Schaedler Wechi.

Fazer uma atividade diferente também tem conquistado os alunos. Maisa dos Santos, do 1º ano, comentou gostar das danças. “É diferente e divertido. Gosto de participar com os outros alunos e também gosto muito da professora”. Já o colega de turma, Rafael Thomas, afirmou que gosta da atividade já que há interação entre os alunos da classe.

A ideia da atividade veio da professora Maria Salete Queiroz. “Nós tivemos a ideia e então a colocamos no plano de ação, para ser desenvolvida com os alunos”, informou a professora. Segundo Maria Salete, a intenção é proporcionar aos estudantes uma maior interação entre o grupo, além de melhorar o desempenho dentro de sala de aula, já que com a dança, cada um desenvolve os sentidos cognitivos.

As danças são dividas por turmas. “Nós trazemos danças folclóricas, tradicionais e contemporâneas. Com as turmas menores nós fazemos danças que trabalham bastante os gestos, o cantar, o dançar. Já com as maiores, é mais a parte da dança. Dessa forma desenvolvemos também a linguagem artística dos alunos”, contou Maria Salete. A intenção é realizar a atividade até o final do ano.