Banner topo divulga%c3%87%c3%83o

Compre casa

DESENVOLVIMENTO

Itaipu e PTI promovem capacitação em Gestão Educacional para servidores do Oeste do Paraná

Ação é viabilizada pelo Programa de Educação Continuada, em parceria com a AMP

20/11/2018 - 10:10


  • Programa de educa%c3%a7%c3%a3o continuada easy resize.com

    Foto: PTI/Assessoria

Até abril de 2019, 1500 servidores públicos do Oeste do Paraná serão capacitados pelo projeto de Gestão Educacional do Parque Tecnológico Itaipu (PTI). A intenção é otimizar o desempenho da gestão pública municipal na região. 

A iniciativa é organizada pelo PTI, por meio do Programa de Educação Continuada, com o apoio da Itaipu Binacional e da Associação dos Municípios do Paraná (AMP). O projeto é composto por palestras de orientação e capacitação e, entre os dias 13 e 14 de novembro, reuniu cerca de 120 servidores.

Conforme dados do Programa de Educação Continuada do PTI, atualmente 289 dos 399 municípios paranaenses possuem alguma pendência com o Ministério da Educação (MEC), por meio de programas como o Plano de Ações Articuladas (PAR) e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Nesta vertente, a capacitação foi ofertada para gestores municipais que atuam na área da educação, com o intuito de regularizar a situação de suas respectivas cidades perante o MEC.

“Às vezes, devido à falta de prestação de contas ou produção de algum documento referente à construção de uma escola que não pôde ser concluída, por exemplo, o município pode ter seu repasse de recursos bloqueado”, destaca Robson Luis Bastos, gerente do Programa. 

Atendendo ao pedido das associações dos municípios do Paraná, a capacitação realizada pelo PTI e a Itaipu orienta tanto o secretário quanto a parte jurídica a resolver assuntos diretamente com a Secretaria de Educação do Estado ou com o MEC. A ação visa reduzir o número de municípios com processos em aberto perante o MEC em 50% até abril de 2019.

O projeto contribui também para a melhoria do desempenho da gestão municipal, além de ampliar a visibilidade das ações do PTI a nível estadual.

 

Fonte: PTI/Assessoria