Banner topo divulga%c3%87%c3%83o

Compassion 857747 1920

EDUCAÇÃO

Florir Toledo: A tecnologia move o mundo

O curso em informática priorizou atividades voltadas a tecnologia profissionalização para o mercado de trabalho na montagem e desmontagem de computadores

21/11/2019 - 22:29
Por SECOM Toledo


  • Informatica florir toledo michael juliano fotos 1

“A tecnologia move o mundo”, essa é uma das frases mais famosas citada por Steve Jobs, relatando sobre os desenvolvimentos na sociedade a partir dos meios tecnológicos e digitais. Em Toledo, além das Escolas Municipais que estão recebendo laboratórios de informática novos, o projeto Florir Toledo, decidiu promover um curso voltado a este tema.

O projeto trouxe para 60 jovens oficinas de montagem e manutenção básica de computadores. Um avanço que possibilita aos jovens estar mais capacitados para acessarem o mercado de trabalho. O coordenador do Florir Toledo, Oséias Soares, explicou que essa capacitação surgiu a partir de indicação de ex participantes do projeto. “Eles observam nos seus trabalhos que há uma necessidade de profissionais voltados a manutenção de computadores”.

“Os ex participantes possuem um vínculo bacana conosco e sempre dão opinião no que pode mudar e melhorar, e este é um dos cursos que eles falaram que havia necessidade de ter. Neste contexto, trouxemos essa atividade para o Florir”. 

Oséias complementou relatando sobre o objetivo do curso. “Como estamos focado também na profissionalização dos jovens, trouxemos esse curso porque era uma demanda. Procuramos por meio da terceirização um bom profissional e a motivação foi bacana”.

Essa ação já trouxe resultados positivos para os jovens. O Ivan Miguel Nogueira, de 14 anos, mora no Jardim Maracanã, e contou que essa é uma oportunidade única. “Achei bem interessante participar desse curso, pois é uma ótima oportunidade, além de conhecer coisas novas. No futuro quero seguir a área de agronomia, e o que aprendi aqui, com certeza irá me ajudar”. 

Leonardo Henrique está satisfeito com o que aprendeu. “Tenho computador em casa e já usei o que aprendi aqui. É muito bom aprender essas atividades, de forma gratuita, melhor ainda”. 

Pedro Henrique Colombo mora no São Francisco e faz parte do projeto há mais de um ano. “Através do Florir a gente descobre áreas boas para trabalho. Expandimos os horizontes para um futuro bom”. 

O instrutor, Mauricio Pellegrino comentou o programa do curso. “Aplicamos a montagem e manutenção básica de computadores, eles reconheceram os componentes, a função de cada componente, como operar e ter habilidade de detectar pequenos problemas no computador, desde memoria, fonte ou alguma outra coisa”, informou.

Mauricio frisou que o conhecimento em informática hoje é essencial em qualquer segmento. “Desde uma pessoa que trabalha no escritório ou em casa ter o conhecimento para detectar isso, é de suma importância. As pessoas precisam administrar melhor as situações que ocorrem. Com esse conhecimento é possível ajuda-los na atuação no mercado de trabalho, isso é o que se exige hoje”.