Banner 1144x150 px

EDUCAÇÃO

Estudantes da Unioeste são contemplados no 31º Prêmio Paraná de Economia

O Prêmio é promovido pelo Conselho Regional de Economia da 6ª Região/Paraná 
17/11/2021 - 10:59
Por Assessoria


Alunos da Universidade Estadual do Oeste do Paraná receberam uma premiação no 31º Prêmio Paraná de Economia, promovido pelo Conselho Regional de Economia da 6ª Região/Paraná. A estudantes Alessandra Borin Giacomini, sob orientação da professora Daiane Marani Gotardo, ficou com o terceiro lugar na categoria Economia Pura e Aplicada. Na categoria Economia Paranaense, o estudante Wagner Balsanello Xavier, sob a orientação da professora Talita Egevardt de Castro, ficou com a segunda posição, enquanto Daniel Vieira de Araújo, orientado pelo professor Cristiano Stamm, ficou com a terceira posição.
 
Giaomini comenta que foi gratificante receber o prêmio após toda a dedicação aplicada para realizá-lo. “Me sinto orgulhosa e grata a todos que de uma forma ou de outra contribuíram para que eu conquistasse este prêmio”, explica. A economista afirma que a teoria do consumidor foi uma das que mais a interessou durante o curso. “Por isso, optei por estudar o comportamento do consumidor através de uma abordagem um pouco diferente das tradicionais, levando em consideração aspectos da psicologia”, argumenta.
 
Araújo diz que se sente grato pelo prêmio. “Eu vejo que é resultado da dedicação e do esforço que a gente teve para fazer esse trabalho. Então, é um reconhecimento, é muito gratificante ser reconhecido por esse esforço também”, explica. Araújo diz, também, que escolheu como tema de trabalho a governança corporativa por se tratar de um tema novo e pouco difundido e que indica uma cultura de boas práticas de gestão que contribuem para bons resultados empresariais. “Escolhemos as empresas de capital aberto em virtude da disponibilidade e segurança dos dados, tendo ainda como objetivo mensurar a disponibilidade de informações das empresas paranaenses, o que torna ou não ela mais atrativa aos olhos dos investidores de todo o mundo”, argumenta.
01   casa de not%c3%adcias 01 %281%29