Casa de not%c3%adcias 1144x150

EDUCAÇÃO

UEL faz mutirão de limpeza para retorno das aulas presenciais, dia 24 de janeiro

Para dar conta da demanda, a Prefeitura conta com uma equipe de servidores terceirizados para atender as especificidades dos oito Centros de Estudos localizados no Campus Universitário
10/01/2022 - 20:54
Por Por AEN


A Prefeitura do Campus Universitário (PCU) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) iniciou nesta segunda-feira (10) o mutirão de limpeza e higienização dos espaços com vistas à retomada das aulas presenciais, no próximo dia 24 de janeiro. Para dar conta da demanda, a Prefeitura conta com uma equipe de servidores terceirizados, que deverão atuar das 8 às 18 horas. A partir do início das aulas, as equipes serão divididas em turnos (6 às 15 horas e 13 às 22 horas) para atender as especificidades dos oito Centros de Estudos, localizados no Campus Universitário – CCB, CLCH, CESA, CEFE, CECA, CTU, CCA e CCE.

O trabalho foi planejado considerando a necessidade de manter higienizados todos os espaços. O Campus da UEL tem 1,5 milhão de metros quadrados de área construída, 780 laboratórios e salas de aulas práticas, de acordo com dados oficiais da Pró-reitoria de Planejamento (PROPLAN).

Conforme o prefeito em exercício do Campus, Daniel Correia, além da limpeza dos espaços, é preciso manter a rotina de manutenção e roçagem da área verde, sem contar o trabalho constante de verificação e reparo de telhados, calhas, alvenaria, rede lógica, elétrica e hidráulica. Segundo ele, este trabalho é realizado pelos servidores de carreira e seguem o fluxo normal, considerando a necessidade de deixar tudo pronto antes do retorno das aulas presenciais.

Ele explica que o contrato com a empresa terceirizada prevê limpeza dos espaços, além do abastecimento dos sanitários. Segundo Daniel, além do pessoal terceirizado, a PCU ainda conta com os servidores antigos do setor de zeladoria, que permanecem nos Centros e nas demais unidades. Inicialmente, os espaços serão higienizados uma vez ao dia, com a manutenção sendo feita pelos servidores da Prefeitura.

“A equipe terceirizada passará em todos os Centros diariamente para realizar a higienização. Os centros continuarão com os servidores. No caso de necessidade de retorno e de reforço da limpeza, os Centros poderão contatar a divisão de zeladoria da Diretoria de Serviços da Prefeitura”, explica.

DEMAIS ESPAÇOS – Além das equipes que atenderão ao Campus, outros 13 servidores atuarão exclusivamente no Restaurante Universitário (RU), para realizar a higienização daquele espaço, incluindo os sanitários.

O prefeito em exercício explica ainda que está sendo estudado o deslocamento de equipe para atender órgãos suplementares da universidade, localizados no centro e na região Leste de Londrina. É o caso do Museu Padre Carlos Weiss, Casa de Cultura, Escritório de Aplicação de Assuntos Jurídicos (EAAJ), Centro de Educação Infantil do Hospital Universitário (HU) e Centro de Ciências da Saúde (CCS), anexo ao HU.

Outro trabalho que está sendo realizado paralelamente nesta fase do ano é a manutenção da área externa com vistas à prevenção à dengue. A ação envolve o Grupo de Trabalho de Vigilância e Controle de Aedes na UEL (GT Aedes) e a Prefeitura do Campus Universitário (PCU), com objetivo de mobilizar a comunidade universitária para o combate efetivo ao Aedes aegypti na UEL.

O GT tem a participação do professor João Zequi, do Departamento de Biologia Animal e Vegetal, do Centro de Ciências Biológicas (CCB). Em toda a área do Campus estão instaladas ovitrampas, armadilhas que demonstram se há presença das fêmeas do mosquito e se elas depositam os ovos.