Casa

SAÚDE

Municípios consorciados discutem melhorias para o atendimento na UPA da Vila Becker

A ampliação na procura pelos serviços nesta época do ano é esperada, porém com a epidemia de dengue, o número de consultas aumentou consideravelmente
16/05/2022 - 19:43
Por Prefeitura de Toledo


Referência para as urgências e emergências de Toledo, São Pedro do Iguaçu, Diamante do Oeste, São José de Palmeiras e Ouro Verde do Oeste, a Unidade de Pronto Atendimento José Ivo Alves da Rocha (UPA/Vila Becker) teve um aumento significativo no número de consultas nos últimos dias. Com o intuito de melhorar o atendimento aos pacientes, nesta segunda-feira (16), representantes dos municípios da sua área de cobertura. 

De acordo com a secretária de Saúde de Toledo, Gabriela Kucharski, a ampliação na procura pelos serviços nesta época do ano é esperada, porém com a epidemia de dengue, o número de consultas aumentou consideravelmente. “Precisamos encontrar soluções para esta situação e por isso solicitamos a presença dos representantes dos municípios para melhorar o acolhimento dos pacientes diante das suas necessidades”, disse a secretária durante o encontro. 

A UPA, conforme sua concepção, deve atender apenas casos de urgência e emergência. A unidade é tem porta aberta para acolhimento de pacientes, porém é preciso respeitar algumas características. Para quem vem de outros municípios, deve haver a regulação, ou seja, o encaminhamento precisa ser via Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). “Infelizmente, as pessoas acabam vindo de outras cidades para serem atendidas sem este filtro e não são urgências, permanecendo por várias horas aguardando”, comentou Gabriela.

Participaram da reunião os prefeitos de Ouro Verde do Oeste, Lucian Aluísio Dierings, e de São Pedro do Iguaçu, José Aroldo Malvestio, além dos secretários de Saúde de São José das Palmeiras, Eronises Fernandes da Silva, e de Saúde de São Pedro do Iguaçu, Hermilo Gambin, e o prefeito anfitrião Beto Lunitti.