Casa

SUSTENTABILIDADE

Governador e embaixadora da França discutem cooperação em educação e sustentabilidade

Também estão incluídos nos interesses novas cooperações em negócios, agricultura e igualdade de gênero. Paraná tem longa tradição de relacionamento com a França no setor empresarial, cultural e de alimentos orgânicos
18/05/2022 - 10:28
Por AEN


O governador Carlos Massa Ratinho Junior recebeu nesta terça-feira (17), no Palácio Iguaçu, a embaixadora da França no Brasil, Brigitte Collet, para discutir novas cooperações com o país europeu, especialmente nas áreas de negócios, sustentabilidade, educação, agricultura e igualdade de gênero. Esta foi a primeira visita oficial da diplomata ao Paraná.

O Estado tem uma longa tradição de cooperação com a França, com projetos em andamento no setor cultural e na produção de alimentos orgânicos, além da presença de importantes empresas francesas, como a Renault. O Paraná também compõe a Rede Internacional de Cidades da Seda e Regiões Metropolitanas, encabeçada pela cidade de Lyon, e fornece fios de seda para grifes como a Hermès.

“O Paraná tem como base econômica a agricultura, buscando se consolidar como o maior produtor de proteína animal do Brasil, e também uma indústria muito forte, com um grande polo automotivo que conta com empresas como a Renault, uma das mais importantes da França, mas que tem também um coração paranaense”, disse Ratinho Junior.

“Os laços entre a França e o Paraná são antigos e muito diversificados, por isso é importante reafirmar a presença francesa na economia e em outras áreas do Estado”, disse a embaixadora.

“Temos cerca de 50 empresas francesas aqui e estamos especialmente interessados em ampliar nossa participação porque o Paraná é um exemplo de planejamento, desenvolvimento urbano e na implantação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, afirmou.

Segundo a diplomata, há o interesse em aumentar o apoio do governo francês ao Paraná, a exemplo da cooperação entre a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) com a Prefeitura de Curitiba para revitalizar o bairro da Caximba, projeto que conta também com a participação do Governo do Estado.

O chamado Bairro Novo da Caximba será construído em uma área doada pelo Instituto Água e Terra (IAT) e vai beneficiar cerca de 1,7 mil famílias, com a construção de novas moradias, regularização fundiária e obras de infraestrutura e saneamento.

SUSTENTABILIDADE – Considerado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) como referência internacional de sustentabilidade, o Paraná busca se consolidar nessa área. Um dos pilares é na área energética, com incentivo para a produção de energia fotovoltaica e de biogás.

Outro exemplo é um projeto coordenado pela Superintendência Geral de Desenvolvimento Econômico e Social que é transformar Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, no primeiro município orgânico do Brasil, inspirado na experiência de Correns, a primeira cidade orgânica da França.

“O Paraná já é um dos maiores produtores de alimentos orgânicos do Brasil, mas trabalhamos para aumentar essa produção. Temos algumas metas, inclusive para a alimentação escolar, para qualificar essa produção, podendo contar com a expertise da França nessa área”, salientou o governador.

EDUCAÇÃO – Na área da educação, um dos destaque é o programa Ganhando o Mundo, que leva estudantes da rede pública estadual para intercâmbio em outros Países. Atualmente, 100 estudantes paranaenses estão estudando em escolas do Canadá, e um novo edital já foi aberto para selecionar os alunos para um intercâmbio na Nova Zelândia.

A ideia seria também incluir mais países na iniciativa, com a possibilidade do ensino de outros idiomas, inclusive o francês.

Essa cooperação já existe no Ensino Superior, com intercâmbios entres pesquisadores paranaenses e franceses. A Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior também mantém o programa Paraná Fala Idiomas, com foco nas línguas inglesa e francesa e o objetivo de apoiar o processo de internacionalização das sete universidades estaduais do Paraná.